“Os hábitos alimentares culturais e a pobreza como barreiras à promoção da alimentação saudável em centros de saúde de atenção básica no Distrito Federal/Brasil” é a mais recente produção das autoras Denise Oliveira e Silva, Erica Ell, Daniela Frozi e Caio Capella. O artigo, entre teses e dissertações, é um dos produtos oriundos da pesquisa, realizada entre os anos de 2008 a 2015, “Conhecimentos, Atitudes e Práticas de Profissionais de Saúde da Atenção Básica para Promoção de Alimentação saudável no DF”.

O estudo analisou os resultados quantitativos e qualitativos da pesquisa guarda-chuva sobre as barreiras e obstáculos referidas por profissionais de saúde sobre a promoção a alimentação saudável no Distrito Federal. Esta publicação está alinhada ao tema da sessão Hábitos Alimentares em Foco por contribuir na discussão de destacar a importância de estimular o investimento na formação e na práxis transdisciplinar dos profissionais de saúde práticas e relações simbólicas-culturais sobre a promoção da alimentação saudável.

Faça o download do texto aqui.

Fonte da Foto: Arquitetura e Urbanismo para todos

 

Contribuições acadêmicas de diferentes campos de conhecimento sobre hábitos alimentares, desde análises e/ou resultados de pesquisas e/ou reflexões epistemológicas-conceituais, de métodos e metodologias.