Abertura: 10 de julho de 2017
Encerramento: 31 de janeiro de 2018 (Prazo Prorrogado)

Título: Redes sociais e governança em saúde 

Termo de referência: No contexto contemporâneo as redes sociais adquirem relevância como espaço de mobilização, integração e ação, evidenciando a emergência de novos e complexos padrões de sociabilidade e governança em saúde. Observa-se que, para além dos elementos de coesão associados às redes sociais, existem também assimetrias, disputas de poder, conflitos, ambivalências e contradições, dada sua heterogeneidade e fluidez.

O objetivo desta publicação é estimular a reflexão sobre redes sociais e governança em saúde, a partir de uma perspectiva abrangente, que privilegie dinâmicas de interação e vinculação social com repercussões nas políticas e práticas. A intenção deste número da revista é reunir estudos que abordem as redes sociais em suas diferentes conformações (virtuais e não virtuais), incluindo contextos micro e macrossociais, como por exemplo a família, os serviços de saúde e o território. Serão priorizadas as seguintes temáticas:

  • Redes sociais e práticas de promoção da saúde
  • Arranjos de governança em saúde
  • E-gov: limites e alcances
  • Tensão público-privado nas redes sociais e na governança em saúde
  • Ética: limites entre a esfera pública e a esfera privada da vida na governança em saúde
  • Cibercultura e práticas em saúde
  • Redes sociais, violência e ações em saúde
  • Redes sociais, sexualidade e afetividade em saúde
  • Redes sociais e práticas educativas em saúde
  • Redes sociais e práticas de alimentação/nutrição

É fortemente sugerida a articulação entre tais temáticas e o debate sobre governança em saúde enquanto arranjos políticos, dispositivos institucionais e práticas que ultrapassam a esfera dos governos e integram espaços sociais como as chamadas redes.

Normas para a publicação na Revista: 
As orientações e normas para envio de artigos constam na página Web da Revista Ciência & Saúde Coletiva – www.cienciaesaudecoletiva.com.br

Esta chamada pública estará aberta do 10 de julho a 10 de 31 de Janeiro de 2018. 

O número temático tem como uma de suas principais finalidades a divulgação do conhecimento gerado no âmbito de programas de pós-graduação stricto sensu. Serão valorizados os artigos em colaboração docente-discente.

Os artigos deverão ser encaminhados para o e-mail: redesgover@gmail.com, junto com uma Carta de Apresentação em que os autores situem o contexto de sua elaboração e explicitem a sua inserção em Programas de Pós-Graduação stricto sensu.  

Editoras Convidadas:
Delaine Costa Departamento de Ciências Sociais – ENSP/Fiocruz

Ilara Hämmerli Sozzi de Moraes Departamento de Ciências Sociais – ENSP/Fiocruz

Joviana Quintes Avanci Departamento de Estudos sobre Violência e Saúde Jorge Careli – ENSP/Fiocruz

Liana Wernersbach Pinto  Departamento de Estudos sobre Violência e Saúde Jorge Careli – ENSP/Fiocruz

Rosana Magalhães  Departamento de Ciências Sociais – ENSP/Fiocruz

Vera Lucia Marques da Silva Departamento de Estudos sobre Violência e Saúde Jorge Careli – ENSP/Fiocruz

 

*Fonte: Ciência & Saúde Coletiva

Na sessão + água no feijão compartilhamos notícias, conteúdos, eventos e outras matérias produzidas por entidades, organizações e/ou pessoas pertinentes às temáticas trabalhadas no OBHA.